Como prevenir e tratar dores na coluna durante a gravidez?

postado em: Notícias | 0
Como prevenir e tratar dores na coluna durante a gravidez?

Dicas de posturas para pós-gestantes é tema de cartilha informativa que tem sido utilizada por fisioterapeutas em ações sociais

Por Clarice Gulyas

Durante as alterações do corpo na gravidez, atividades simples como sentar, agachar, andar e deitar tornam-se mais difíceis e desconfortáveis. Com o peso da barriga, a postura da mulher se altera em busca de equilíbrio, afetando as costas, quadris, joelhos e tornozelos. Fisioterapeuta de Brasília dá dicas para prevenir e tratar dores, e disponibiliza cartilha informativa para as mamães.

Na coluna, o aumento do peso corporal associado à produção do hormônio relaxina, que aumenta a frouxidão ligamentar na coluna e na bacia, favorece o aumento da instabilidade das articulações e consequentemente aumenta a probabilidade de contraturas musculares. É o que explica a fisioterapeuta Angela Lepesquer, do Instituto da Coluna Vertebral (ITC Vertebral):

“A distensão dos músculos abdominais causada pelo crescimento do útero também favorece a diminuição da força destes músculos e um consequente aumento da sobrecarga e falha na estabilidade principalmente da coluna lombar. O deslocamento do centro de gravidade faz um aumento da curva na região lombar e pode causar dores, compressões de nervos e contraturas musculares.”, explica a especialista em Coluna Vertebral.

De acordo com a fisioterapeuta, o período mais crítico de dor é iniciado a partir do quinto ou sexto mês. Por isso, o preparo da saúde das futuras mamães pode fazer toda a diferença nesse estágio, inclusive, para reduzir inchaços, evitar lesões e alterações respiratórias.

“Pode-se incluir atividades de fortalecimento especificas para preparar o corpo para estas mudanças, caso contrario, algumas técnicas são muito bem aplicadas, como massagens, exercícios respiratórios específicos, técnicas de fisioterapia manual que visam melhorar a mobilidade e o tônus muscular, técnicas posturais, acupuntura, etc.”, recomenda.

Cartilha informativa

Diretora da Associação Brasileira de Reabilitação de Coluna (ABR Coluna) em Brasília, Angela também alerta sobre os riscos de manutenções de posturas inadequadas. Segundo ela, é importante observar a frequência e intensidade com que as dores se manifestam. Para auxiliar as pós-gestantes e a população em geral, a ABR Coluna resolveu criar a cartilha Dr. Coluna, que traz 36 páginas com dicas de posturas para o dia a dia. O material pode ser acessado pelo site http://www.itcvertebral.com.br/

“As mães podem ser orientadas por profissionais para melhorar as posturas mantidas durante o dia, pois pesquisas mostram que a maioria das dores tem relação com posturas inadequadas. Outras dicas podem ser encontradas em nossa cartilha, pois são posturas que devem ser seguidas por todas as pessoas, inclusive, pelas gestantes, como forma de contribuir para um melhor alinhamento postural e relaxamento de possíveis áreas sobrecarregadas.”, diz.

Antes e depois do parto

Manter atividade física antes e após o parto também é importante para prevenir e tratar dores na coluna. Nesse sentido, a fisioterapeuta recomenda exercícios como Pilates, RPG e hidroterapia.

“Uma porcentagem significativa de gestantes continuam com dores ou podem adquiri-las nas sobrecargas com os cuidados com as crianças de colo, portanto, essas orientações de fortalecimento, alinhamentos posturais, técnicas de fisioterapia manual, acupuntura, são muito bem vindas. Já os melhores exemplos de atividades são Pilates, RPG e Hidroterapia.”, afirma.

Serviço:
ITC Vertebral
Lago Sul   (61) 3365-2555
Águas Claras   (61) 3568-2533
brasilia@itcvertebral.com.br
aguasclaras@itcvertebral.com.br
www.itcvertebral.com.br





Assessoria de imprensa
Gulyas Comunicação
Camila Gomes: (21) 3579-9650 / 97950-5868 / 2483-8830
Clarice Gulyas (61) 8177 3832
camila.dreamscomunicacoes@gmail.com / claricegulyas@gmail.com
Feed

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.