Trabalhadores querem regulamentação específica para o setor de Bebidas

postado em: Notícias | 0
Trabalhadores querem regulamentação específica para o setor de Bebidas

Às vésperas do Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho (28/4), categoria denuncia más condições de trabalho e alto índice de acidentes e doenças ocupacionais

Por Clarice Gulyas

A Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins (CNTA Afins) protocolou nessa terça (15/4), na Confederação Nacional da Indústria (CNI), documento que contém sugestões de atividades para o combate aos acidentes de trabalho e doenças ocupacionais no setor de bebidas, como a elaboração de uma Norma Regulamentadora específica. Ainda esse mês, indústria e trabalhadores deverão se reunir pela segunda vez para discutir estratégia de atuação para reduzir e eliminar as más condições de trabalho nas indústrias de bebidas. A iniciativa é da CNTA Afins, que lançou esse ano a Campanha Nacional de Combate aos Acidentes de Trabalho e Doenças Ocupacionais no Setor de Bebidas em Geral. Entidade representa mais de 177 mil trabalhadores do setor no país, sendo cerca de 32 mil empregados da Ambev, principal patrocinadora da Copa do Mundo.

Entre as principais propostas dos trabalhadores, que conta com a consultoria técnica de engenheira em segurança do trabalho, são: reuniões periódicas entre trabalhadores e indústria, visitas técnicas nas empresas para avaliar os principais riscos de acidentes de trabalho, apresentação de diagnóstico e debate sobre as mudanças necessárias. 

A proposta também contém projeto de avaliação com os representantes sindicais, cipeiros e profissionais da medicina e segurança da empresa, com o objetivo de viabilizar o acompanhamento da análise dos acidentes de trabalho e visitas técnicas nas empresas do setor da alimentação para reduzir os agravos à saúde dos trabalhadores. De acordo com dados do Ministério da Previdência Social (MPAS), entre 2010 e 2012, foram registrados 16.848 acidentes no setor, com 42 mortes no mesmo período. Os principais acidentes são quedas, queimaduras, traumas psicológicos e esmagamentos, e são registrados principalmente nas fabricações de refrigerantes e cervejas.

“Em nossa proposta também consiste a elaboração de diagnósticos por região, nas áreas de abrangência das entidades sindicais. A realização de seminários regionais também foi sugerida como ferramenta para avaliar os resultados obtidos nas regiões, com a apresentação do diagnóstico do setor e andamento dos resultados obtidos. Nossa intenção é melhorar as condições de trabalho, reduzir os altos índices de acidentes e doenças ocupacionais, oferecendo mais qualidade de vida aos trabalhadores. Também enfatizamos o interesse dos trabalhadores em criar uma Norma Regulamentadora específica para o setor de Bebidas.”, explica o presidente da CNTA Afins, Artur Bueno de Camargo.

Risco de paralisação na Ambev

A campanha da CNTA Afins consiste na conscientização da sociedade, trabalhadores e indústria sobre a necessidade de combate aos acidentes de trabalho no setor de bebidas. A iniciativa foi lançada no dia 19 de fevereiro, em encontro nacional com representantes sindicais dos trabalhadores do setor, que levantou as principais reivindicações da categoria. Entre as principais reclamações estão práticas de assédio moral, pressão por maior produção, extensas jornadas de trabalho, sistema de banco de horas, depressão, estresse, desmotivação, falta de prevenção e de investimentos em equipamentos de segurança e adaptações estruturais e ergonômicas. 

Em relação às condições salariais e auxílios, no dia 20 de fevereiro, a entidade passou a cobrar de uma das principais empresas do setor de bebidas da América Latina, a Ambev, abertura de negociação em nível nacional. Diante da resistência da Ambev em discutir pauta específica dos trabalhadores, categoria não descarta possibilidade de greve nacional e campanha de boicote aos produtos e marcas do grupo ainda esse ano.

Outros releases relacionados:

CNI firma compromisso com trabalhadores na luta contra acidentes de trabalho no setor de bebidas http://www.cntaafins.org.br/cni-firma-compromisso-com-trabalhadores-na-luta-contra-acidentes-de-trabalho-no-setor-de-bebidas

Ambev tem até abril para dar início às negociações com trabalhadores
http://www.cntaafins.org.br/ambev-tem-ate-abril-para-dar-inicio-as-negociacoes-com-trabalhadores

Assessora de imprensa da CNTA Afins
(61) 3242 6171 / 8177 3832  Clarice Gulyas
imprensa@cntaafins.org.br
http://www.cntaafins.org.br/

Feed

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.